Uma borbuleta que é um borbuleto...: Hoje estou assim

Myspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter Graphics Myspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter Graphics Myspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter GraphicsMyspace Glitter Graphics, MySpace Graphics, Glitter Graphics....

"...planta uma flor no teu jardim e todas as borboletas virão até ela."

segunda-feira, março 17, 2008

Hoje estou assim

caida no meu desalento, chorando por dentro o meu sofrimento que não entendo como meu.
Estou triste hoje. Estou triste há dias. Estou triste desde que percebi que alguns sonhos, alguns planos, simplesmente escorreram pelas minhas mãos como se fosse água.
É doloroso ver as coisas que construímos se desmoronar com uma simples tempestade. Que paradoxo. Tempestade nunca é simples, sempre deixa estragos!
As pessoas que escolhi para fazerem parte da minha vida, para dividir, somar, multiplicar, estão indo embora. Assim, como quem vai na esquina comprar cigarros e nunca mais volta. Essa sensação de perda, causa um vazio muito grande e uma angústia maior ainda. Acho que não sou uma boa perdedora, sofro demais quando não consigo as coisas que eu sonhara, que eu desejara e que eu lutei tanto para conseguir. Dói demais, ver alguém ir embora. Dói demais abrir mão de ser feliz.
Mas é duro, não termos mais o sorriso, o carinho, a palavra amiga, o beijo…é duro saber que um dia as coisas foram perfeitas e de repente, tudo pareçe desmoronar numa simples palavra ou gesto!
Quero voltar ao tempo em que ainda existias completo para mim, quero ser tu e que tu sejas meu...
Estou triste hoje mais que nunca estou mesmo triste.....


De repente do riso fez-se o pranto
Silencioso e branco como a bruma
E das bocas unidas fez-se a espuma
E das mãos espalmadas fez-se o espanto.
De repente da calma fez-se o vento
Que dos olhos desfez a última chama
E da paixão fez-se o pressentimento
E do momento imóvel fez-se o drama.
De repente, não mais que de repente
Fez-se de triste o que se fez amante
E de sozinho o que se fez contente.
Fez-se do amigo próximo o distante
Fez-se da vida uma aventura errante
De repente, não mais que de repente.

Etiquetas:

12 Comments:

  • At 3:39 da tarde, Blogger Tânia,Ângelo e Martim said…

    Bem.. n sei ao certo a razão dessa tua dor, mas lê-se nas tuas palavras que está mesmo triste.. Não sei que te possa dizer senão um simples ESTOU AQUI sei que não é muito mas é o que te posso oferecer, qq coisa que precises de desabafar força!Espero que tudo fique bem!
    beijocas nossas

     
  • At 3:59 da tarde, Blogger PatLeal said…

    Miga, na semana passada foste tu que me deste animo,me ouviste, me deste carinho, esta semana sou eu.
    Já sabes, estou aqui pertinho....


    Jocas grandes e espero que as coisas se resolvam mesmo entre vocês.

     
  • At 4:25 da tarde, Blogger Princesa Bárbara said…

    Não sei porque estás assim, mas pelas palavras que escreveste, nota-se que não estás bem, de uma coisa não te esqueças, tens um FILHO LINDO e MARAVILHOSO e só isso vale TUDO na VIDA.

    Um beijo mt grande e espero que ultrapasses tudo isto.

     
  • At 6:38 da tarde, Blogger Liliana said…

    Linda, não fiques assim seja o motivo qual for!!!

    Tens que pensar que tens um filho lindo que te adora e que precisa cada vez mais da mamã ao lado dele...

    Vais ver que vai ficar tudo bem...

    Mil beijinhos e se precisares de alguma coisa estou deste lado...

     
  • At 6:54 da tarde, Blogger Silvia said…

    entao??????? q se passa? nada q n tenha solução?

     
  • At 7:44 da tarde, Blogger Sofia e Pedro said…

    Querida mamã, não gosto de te ver assim, és uma pessoa tão bonita que não é justa a tristeza que sentes...qualquer coisa que precisares, diz, combinado?!
    Beijinhos,Sofia,Pedro e Joana

     
  • At 10:05 da tarde, Blogger Sofia said…

    Filipa, tu és uma super-mãe, força! A vida às vezes prega umas partidas sem graça, mas tudo passa e vais recuperar! Beijinhos grandes!

     
  • At 7:35 da manhã, Blogger agarraavida.blogspot.com said…

    Nada mais posso fazer senão mandar-te um BEIJAO ENORME e dizer-te que espero que essa dor passe rápido.
    Beijocas.

     
  • At 1:26 da tarde, Blogger Ana Guida said…

    ha dias assim...espero sinceramente k essa tempestade passe rapido e k mt em breve o sol brilhe em todo o seu esplendor...força e bjs gds*

     
  • At 4:31 da tarde, Blogger Sandra e Amaro said…

    Miga há que olhar em frente, que atrás vem gente...
    Miga qq coisa que possa fazer ou dizer já sabes...

    Jocas grandes cheias de força

     
  • At 6:44 da tarde, Blogger Dunga said…

    O facto das coisas nem sempre correrem como esperávamos não significa de forma alguma que tenhas de abrir mão de ser feliz...Tenho uma amiga que me diz nuitas vezes que "nada na vida acontece por acaso". Começo a acreditar nisso. Por vezes temos mm que passar por fases menos boas para volarmos a ser felizes...Força, ânimo!

     
  • At 7:36 da tarde, Blogger Mara said…

    Que palavras tão tristes... Espero que seja só uma fase passageira...
    Beijinhos grandes

     

Enviar um comentário

<< Home